Bahia perde R$ 212 mi em remanejamento federal para intervenção militar no Rio

0
Foto:Reprodução

Um projeto de lei que remaneja R$ 4,2 bilhões de investimentos gerais dos estados brasileiros para ampliar os recursos para a Segurança Pública foi aprovado nesta quarta-feira (25) pela bancada governista do presidente Michel Temer. Para que esse remanejamento seja realizado, diversos cortes em áreas importantes como saúde e educação tiveram que ser realizados.

A maior parte do dinheiro “recrutado” para a Segurança Pública será utilizado para bancar a intervenção federal no Rio de Janeiro. Com isso, a Bahia perdeu R$ 212,4 milhões de investimentos federais previstos para este ano. No estado, foram cancelados R$ 59,4 milhões na alta e média complexidade em Saúde; R$ 15 milhões em infraestrutura turística de Salvador; R$ 70 milhões para aquisição de equipamentos para a infraestrutura hídrica; R$ 21 milhões que estavam previstos para investimento nas obras do Canal do Sertão; R$ 29,5 milhões para obras em rodovias federais e R$ 1,5 milhão de projeto de inclusão digital.

“Com o congelamento dos gastos públicos, todos nós alertamos, sabíamos que a midiática e ineficaz intervenção no Rio de Janeiro seria paga pelo resto do país, com cortes no orçamento para outros estados. Os deputados baianos que votaram sim na intervenção são os mesmos que agora aquiescem e calam diante do corte de recursos importantes para nosso estado.

Apostam na falta de informação da população para ir pedir voto para se reeleger, é muita falta de compromisso. Corta na saúde, tira dos hospitais, são vidas que estão em jogo”, disse o deputado federal Jorge Solla (PT-BA), ao apontar os cortes.

 

 

 

BN.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here